sexta-feira, 2 de outubro de 2009



Depressão.

Isso cada vez mais parece uma conspiração de pessoas fúteis encomodadas com a vida alheia.
Me sinto sozinha, sozinha de gente , sozinha de mente; Estado de espírito morto, infeliz .
A nuvem de baixo estima é a unica pessoa que abri a porta quando eu chego em casa; a solidão dorme comigo todas as noites , a saudade me acompanha no dia a dia , a fraqueza suspira no meu ouvido quando eu não quero, vivo correndo atrás da vontade de recomeçar mas ela se esconde e eu não consigo achar.
Nas madrugadas sinto olhares, cheiros ao meu redor e quando abro os olhos vejo que era a tristeza rindo da minha cara e desdenhando da felicidade que naquele momento passava pela porta.
Vivinha medíocre ; nós não valemos nada; nascemos, estudamos , trabalhamos, lutamos por mais e mais e sempre mais, porém , quando morremos nem levamos todos esses "mais" no caixão.
Eu quero concluir meus objetivos e ser feliz.
Nesse momento o que eu mais quero é apenas ser feliz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário